Plantas Parasitas

O que são, características, resumo, exemplos de espécies, curiosidades, evolução das plantas parasitas.

Erva-de-passarinho: exemplo de planta parasita.
Erva-de-passarinho: exemplo de planta parasita.

 

Introdução (o que são)


Até o momento se sabe que mais de 4.000 espécies de plantas parasitam outras plantas. Uma estratégia de vida que confere vantagens. Afinal, as plantas parasitas economizam energia ao sugarem água e nutrientes dos tecidos das plantas nas quais elas se prendem.


Ao visitar um jardim ou uma floresta, observamos plantas aderidas aos troncos, galhos e ramos de árvores. Algumas árvores têm muitas plantas fixadas nelas, outras têm uma ou bem poucas. Seriam todas plantas parasitas? Não. As orquídeas e bromélias, por exemplo, estão ali apenas colonizando uma porção do ambiente que é úmida e tem uma intensidade suave de luz.



Características principais e exemplos


As plantas parasitas podem estar completamente dentro da planta parasitada. Mas também podem ter estruturas projetadas para a superfície da planta hospedeira. Existem dois tipos:


- hemiparasitas: elas realizam fotossíntese. Portanto, suas folhas são verdes, produzindo o carboidrato de que necessitam para sustentar seu crescimento e reprodução. Esse tipo de planta parasita retira das hospedeiras apenas água e minerais. Exemplo: erva-de-passarinho (visco).


- holoparasitas: elas não realizam fotossíntese. Portanto, retiram carboidrato, água e minerais dos tecidos da árvore ou arbusto. Exemplo: barba-de-frade.



A evolução das plantas parasitas


As plantas parasitas representam uma transição entre o modo de vida autotrófico (capacidade de se sustentar, típico do reino vegetal) para o heterotrófico (dependência do outro para se sustentar, típico do reino animal). Essa passagem exigiu que as plantas experimentassem mudanças morfológicas e fisiológicas ao longo do tempo.


Parasitas exercem uma força de seleção natural. Os vegetais parasitados são forçados a responder à agressão. Afinal, embora os casos de morte do hospedeiro sejam raros, a remoção constante dos nutrientes leva a um funcionamento precário do organismo. Aqueles hospedeiros que desenvolvem respostas eficientes são selecionados: eles sobrevivem, geram outros indivíduos e esses indivíduos herdam a capacidade de responder eficientemente.



Curiosidade


Uma espécie de barba-de-frade (Cuscuta reflexa) é bastante usada na medicina ayurveda. Acredita-se que ela é capaz de tratar males como diabetes, hipertensão, artrite e promover o crescimento do cabelo.

 

 

Última revisão: 20/05/2019

___________________________________

Por Elaine Barbosa de Souza
Graduanda em Ciências Biológicas pela Universidade Metodista de São Paulo.


Impressão
Plantas Parasitas Temas Relacionados
Bibliografia Indicada:

 

Coleção Temas de Biologia - Histologia Vegetal

Autor: Uzaniam, Armênio

Editora: Harbra

Ano: 2014

Temas do livro: Biologia Vegetal, Plantas, Botânica

 

Veja Também
GALERIA DE IMAGENS Tartaruga marinha: exemplo de réptil
LIVROS DE CIÊNCIAS BIOLÓGICASIndicação de livros de Ciências Biológicas, bibliografia indicada para o estudo de temas de Biologiaver
PESQUISADORESSaiba mais sobre a biografia dos grandes pesquisadores que revolucionaram o mundo da ciência. As grandes...ver
SaúdeInformações e resumos sobre temas relacionados à saúde humana, alimentação, doenças, dicas para levar uma...ver
Dicionário de BiologiaSaiba o significado de várias palavras relacionadas ao estudo de Biologia, definições importantesver